"Parei de ir atrás, eu tenho meu orgulho. Quero dizer, não tenho, mas ela não precisa saber dessa parte.

Gabito Nunes. (via revejo)
"Você mente quando diz que foi bom enquanto durou. Se tivesse mesmo sido, teria continuado. Ou não? O fato de ter chorado não demonstra sentimento e o pedido de desculpas é em vão, se não me conforta. Sacrifício é esquecer, para mim, que é tão difícil gostar. Mais um prejuízo sentimental.

Tati Bernadi.  (via revejo)
"Na faculdade assistimos varias aulas que nos ensinam a lutar contra a morte, mas não assistimos nenhuma aula que nos ensine a continuar vivendo.

Grey’s Anatomy.  (via revejo)
"A gente só enxerga aquilo que nos convém, essa é a verdade. Ver e enxergar são verbos e coisas totalmente diferentes. Ver qualquer um é capaz, o difícil mesmo é conseguir enxergar. E mais difícil ainda é conseguir enxergar até aquilo que não se quer, porque nós, humanos, temos a pobre e triste mania de só enxergar aquilo que queremos. É engraçado como nós, quando apaixonados, somos capazes de enxergar a outra pessoa muito melhor do que ela realmente é. E também como a gente só consegue enxergar o lado ruim das pessoas com quem o nosso santo não bate. Fácil é ver um gesto, difícil é enxergar o que ele realmente quis dizer. Fácil é observar um casal de namorados andando de mãos dadas pelo parque, difícil é enxergar o tamanho do amor que se encontra alojado naquele entrelaçar de dedos. Fácil é olhar no espelho e se ver. Difícil mesmo é conseguir se enxergar.

Capitule.  (via revejo)
"Deus me ensinou que depois de um intenso temporal sempre sobreviria à serenidade de uma brisa suave. Aprendi que nem sempre tudo seria calmaria, bonança ou conquista. Aprendi a reter o que me seria útil e edificante em minha jornada, no mais não carregaria nenhuma bagagem de culpas ou ressentimentos retraídos, assim me assisti livre de todos aqueles bloqueios que outrora me mantinha presa em um casulo. Pela primeira vez criei asas e aprendi a voar para os braços de Deus, onde encontrei meu maior abrigo. Longe de todo o caos que restou após a última tempestade, deixei para trás toda a dor acondicionada, todas as lagrimas despejadas, todo o silêncio comprimido. Em meu coração permaneceu apenas a esperança viva de uma nova pagina a ser escrita pelo dedo de Deus.

Goreth Maia.   (via revejo)
"Dizem que a gente tem o que precisa. Não o que a gente quer. Tudo bem. Eu não preciso de muito. Eu não quero muito. Eu quero mais. Mais paz. Mais saúde.Mais dinheiro. Mais poesia. Mais verdade. Mais harmonia. Mais noites bem dormidas. Mais noites em claro. Mais eu. Mais você. Mais sorrisos, beijos e aquela rima grudada na boca. Eu quero nós. Mais nós. Grudados. Enrolados. Amarrados. Jogados no tapete da sala. Nós que não atam nem desatam. Eu quero pouco e quero mais. Quero você. Quero eu. Quero domingos de manhã. Quero cama desarrumada, lençol, café e travesseiro. Quero seu beijo. Quero seu cheiro. Quero aquele olhar que não cansa, o desejo que escorre pela boca e o minuto no segundo seguinte: nada é muito quando é demais.

Caio Fernando Abreu. (via revejo)
"Eu sou aquela pessoa que transborda sentimentos, mas que demonstra pouco. Sou aqueles tipos que sentem medo de tudo, que se faz de forte mas que chora todos os dias antes de dormir. Sou aquela pessoa que sempre está com um sorriso nos lábios e que faz questão de mostrar para todos que é feliz. Mas veja bem, quem é realmente feliz não precisa provar para ninguém que é.

Eternue.  (via atingirei)
"A mão que eu quero segurar até ficar velhinha é a tua. É nos teus dedos que quero entrelaçar os meus. É na tua boca que eu quero fazer morada da minha. E nos teus braços onde quero guardar o corpo meu. É a você que eu quero dizer o meu ‘sim’.

— Aline Rios  (via atingirei)
"Perdoa o meu jeito torto, minha grosseira, meus ataques, minhas manhas, meus dramas e meus surtos. Perdoa vai, acontece que sou do tempo. Há dias que estou chorosa como os céus, há dias que me irrito e quero partir tudo o que vejo pela frente, igual um raio parte um céu nublado. É raro quando consigo uma harmonia. Quando consigo me manter não tão doce, nem tão amarga. Há dias em que simplesmente consigo um paradoxo entre meu lado agradável e meu lado azedo. Só peço que não desista de mim não. Assim como a tempestade, também tenho um arco-íris bem escondidinho. Acontece que ninguém nunca fica tanto tempo para descobrir.

— Os porquês de Amélia Roswell.  (via atingirei)